sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

Resultados da exposição "Presépios do Alentejo"

No período em que decorreu a exposição supracitada, de 10 de Dezembro de 2009 a 6 de Fevereiro de 2010, o Centro de Artes Tradicionais recebeu 1032 visitantes, sendo 879 nacionais e 153 estrangeiros. O passado mês de Dezembro foi, inclusive, o melhor Dezembro a nível de visitantes que o Centro de Artes Tradicionais obteve desde a sua reabertura, em 2007.
Do total de visitantes, destacamos os seguintes segmentos: Crianças: 190; Estudantes: 48; Escolas: 167; Idosos: 94; Visitas organizadas: 166;

Lagar-Museu

Inauguradao em 25 de Abril de 2005, o Lagar-Museu do Palácio Visconde d`Olivã é o mais recente espaço museológico de Campo Maior.
Dedicado à olivicultura, recria-se neste local um lagar de azeite.

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

LAGAR - MUSEU DE CAMPO MAIOR

Inteiramente dedicado à olivicultura, uma das actividades agrícolas mais importantes do concelho, o museu está instalado no antigo lagar de azeite do Palácio do Visconde d’Olivã, um edifício de inestimável valor patrimonial e histórico, que a Autarquia de Campo Maior tem vindo a recuperar.
Estruturado para funcionar como um espaço único, o museu apresenta, no entanto, áreas distintas. Partindo do seu núcleo, onde é recriado um lagar de azeite e todo o seu funcionamento, o visitante tem ainda acesso a uma sala multimédia, à zona de etnografia e à de exposições temporárias.
Promover a Olivicultura e Campo Maior, enquanto concelho com grandes tradições nesta área, é o principal objectivo do Lagar-Museu. Fonte: http://www.cm-campo-maior.pt/

domingo, 21 de fevereiro de 2010

MUSEU ABERTO DE CAMPO MAIOR

Situado no Largo do Barata, na Casa do Assento, o Museu Aberto pretende ser o ponto de partida para o estabelecimento do primeiro contacto com todo o património cultural do concelho.
Ainda que simbólico, é através desta porta que se pode tomar contacto com a estrutura dos serviços que compõem o Território–Museu e, a partir daí, iniciar a sua descoberta. Neste espaço, é dada a conhecer a extraordinária história deste concelho e das suas gentes, desde a pré-história até à actualidade, sem esquecer a permanente ligação a Espanha.

sábado, 20 de fevereiro de 2010

FESTAS DAS FLORES DE CAMPO MAIOR

Todos os milhares e milhares de flores, todas as rosas, todos os cravos, todas as tulipas, todas as glicínias, todas as papoilas garridas foram preparadas com amor, carinho e grande espírito de vontade. Raro espectáculo que se nos oferece, além das maravilhosas ruas “enramadas” são também as encantadoras e suaves melodias – as célebres “saias” – inspiradas em quadras soltas e acompanhadas de ritmo vivo e alegre com pandeiretas e castanholas, que se cantam e bailam (balham), em todas as ruas de Campo Maior.

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

FESTAS DAS FLORES DE CAMPO MAIOR

Consiste na decoração das ruas de Campo Maior (sobretudo no Centro Histórico) com flores de papel e outros objectos em cartão e papel, feitos pelos residentes de cada rua.
São festas que não se realizam ciclicamente, mas quando o Povo entende. As últimas Festas do Povo realizaram-se em 2004, não estando, de momento, ainda marcada a realização da próxima edição.
Descrever estas festas não é tarefa fácil. Envolve-as um mundo de esforços, de dedicação, de poesia, que se torna muito difícil descrever e transmitir.

sábado, 13 de fevereiro de 2010

Grupo Cantares Despertar Alentejano de Campo Maior

video

Durante a inauguração este grupo campomaiorense animou bastante o Centro de Artes Tradicionais, dando um colorido a esta festa!

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2010

Nova exposição temporária do Centro de Artes Tradicionais

“Descobrir Campo Maior..." através do seu património etnográfico, arquitectónico, museológico e das suas principais actividades culturais é um dos objectivos desta exposição, onde se dá destaque às famosas festas das flores deste município. O primeiro a responder ao desafio lançado pela Turismo do Alentejo, E.R.T., no âmbito da promoção intra-regional da região.

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

DESCOBRIR CAMPO MAIOR

A Exposição "Descobrir Campo Maior...“ conta a história desta vila do Alto Alentejo, desde a lenda da sua fundação aos dias de hoje. Situada no distrito de Portalegre, a apenas 10 km da fronteira, Campo Maior é conhecido mundialmente não só pelas suas Festas das Flores, mas também pela sua oferta cultural e patrimonial. Esta exposição faz uma viagem por Campo Maior Monumental, pelos seus edifícios municipais, os seus museus, passando pelo artesanato e as actividades dominantes. Terra de flores e café, Campo Maior há muito que deixou de ser apenas mais uma vila raina, sendo agora um dínamo de cultura e desenvolvimento.

IMAGENS DA INAUGURAÇÃO DA EXPOSIÇÃO SOBRE CAMPO MAIOR

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

NOVA EXPOSIÇÃO TEMPORÁRIA NO CENTRO DE ARTES TRADICIONAIS

DESCOBRIR CAMPO MAIOR...
Venha à inauguração hoje às 19.30 e assista a
um concerto de cantares alentejanos desta localidade do Norte Alentejano

terça-feira, 9 de fevereiro de 2010

Turismo do Alentejo programa novas exposições para o Centro de Artes Tradicionais

No âmbito da sua actividade de promoção turística, a Turismo do Alentejo, E.R.T. programou para o espaço do Centro de Artes Tradicionais – Antigo Museu do Artesanato, localizado em Évora, um conjunto de actividades de divulgação das potencialidades turísticas dos concelhos da região. Com esta iniciativa a Turismo do Alentejo, ERT pretende divulgar junto dos milhares de turistas que ocorrem anualmente a Évora, a oferta turística e cultural de toda a região, procurando induzir naqueles a vontade de conhecer in loco o restante território, idealmente no quadro de futuras visitas ao Alentejo.
Em complemento, a Turismo do Alentejo, E.R.T. espera também com esta iniciativa contribuir para a diversidade da programação cultural e de animação da cidade de Évora, oferecendo aos seus residentes mais uma opção de lazer e entretenimento focada no conhecimento e na interpretação da identidade regional alentejana.
O concelho de Campo Maior inaugurou este ciclo de eventos, através da apresentação de uma exposição temporária alusiva ao tema “Descobrir Campo Maior...” que irá patente ao público até ao dia 27 de Março. Nesta inciativa propõe-se um breve olhar sobre a alma Campomaiorense, as suas gentes e tradições, a sua cultura e tudo aquilo que torna esta vila do interior alentejano tão especial, que fica no coração de quem a visita.

sábado, 6 de fevereiro de 2010

ÚLTIMO DIA DA EXPOSIÇÃO TEMPORÁRIA "PRESÉPIOS DO ALENTEJO"

Avisamos que hoje é o último dia da exposição temporária do Centro de Artes Tradicionais com presépios da colecção do General Canha da Silva. Não perca esta última oportunidade!

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

Exposição temporária “Presépios do Alentejo” prolongada até ao dia 6 de Fevereiro

Não perca esta última oportunidade de conhecer as peças da colecção do General Fernando Canha da Silva de artesãos do Alentejo sobre o tema, uma iniciativa organizada pela Turismo do Alentejo E.R.T.