quinta-feira, 31 de dezembro de 2009

PRESÉPIOS DE ANA BOSSA

Ana Bossa, uma jovem de Estremoz, actualmente a residir em Lisboa, já pouco se dedica ao artesanato. Contudo, na colecção do Major General Canha da Silva existem duas peças que estão na exposição temporária do Centro de Artes Tradicionais "Presépios do Alentejo".
Hoje publicamos um pequeno excerto de uma entrevista concedida pela artesã em 2002:
Como estudante havia necessidade de fazer um part-time. Era uma forma de ganhar algum dinheiro e ocupar os tempos livres. Comecei a fazer e juntamente com a Catarina temos vindo a desenvolver a actividade em conjunto.
Há muito bom artesanato. Nós também gostamos de comprar, perdemos a cabeça. Há uma falta de informação para a designação de artesanato. Nas feiras aparecem muitas coisas feitas por moldes em série que são designadas como artesanato.

quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

Presépios da Oficina da Terra

Os presépios de Tiago Cabeça e Magda Ventura também estão presentes na actual exposição temporária. Aqui fica excerto de uma entrevista do artesão:
Comecei por acidente. Descobri uma vocação para a escultura há 3 anos, quando estava a brincar com um sobrinho a fazer bonecos de plasticina. Em casa, comecei a fazer bonecos em barro que os meus amigos divulgavam. Também aprendi algumas técnicas de trabalhar o barro na Olaria Guimarães Velho, Orlando Guimarães e António Velho em S. Pedro do Corval. Comecei a trabalhar em 1998. A minha primeira exposição, “À procura de um corpo”, surgiu 6 meses depois de mexer no barro, foi em Évora, juntamente com uma pintora local. A minha primeira exposição individual foi em 1999, na Pousada dos Lóios, designava-se “Paixão” porque era alusivo ao episódio bíblico da Paixão de Cristo. Desde a primeira exposição individual até agora já ganhamos por 3 vezes consecutiva o primeiro prémio da F.I.A., e o primeiro prémio nacional de Artesanato Bienal – 2001-2003 do I.E.F.P.

terça-feira, 29 de dezembro de 2009

Presépios dos Irmãos Ginja

Afonso Ginja (n.1949) e Arlindo Ginja (n.1938) são dois barristas estremocenses que trabalham num atelier em funcionamento nas instalações do Museu Municipal Professor Joaquim Vermelho, onde os conceituados irmãos mantêm, desde há muitos anos, o processo tradicional de fabrico dos bonecos de Estremoz.

segunda-feira, 28 de dezembro de 2009

Presépio das Irmãs Flores

Maria Mateus (n.1957) e Perpétua Sousa (n.1958) são duas irmãs barristas que aprenderam a sua arte com a famosa Sabina da Conceição.
As peças destas irmãs alcançam o difícil compromisso entre a tradição e a marca pessoal, contribuindo com cores vibrantes e jocosas para o repertório tradicional dos bonecos de Estremoz.
Venha apreciar ao vivo este Presépio no Fidalgo, uma adaptação pessoal destas artesãs da tradicional peça local.

domingo, 27 de dezembro de 2009

Bonecos de Estremoz na exposição "Presépios do Alentejo"

Os bonecos em barro de Estremoz são uma feliz combinação entre a escultura e a pintura, seguindo a tradição das imagens de culto em madeira e cerâmica que, policromadas, estavam presentes em retábulos e oratórios desde o século XVI.

Os bonecos conservam porém uma mescla de escárnio e divertimento que se pode associar com os presépios em terracota da segunda metade do século XVIII. O tratamento naturalista de um vasto leque de personagens que incluía músicos, camponeses com apetrechos de trabalho, e animais, como vacas, cabras, patos e galinhas, expostos com grande solenidade nas igrejas conventuais parece ter estimulado as oficinas da região a satisfazerem encomendas particulares que rapidamente conquistaram um lugar obrigatório na festa popular.

Nas primeiras décadas do século XX, assiste-se a um capítulo importante de fixação e ênfase nos aspectos regionais, com o trabalho de recuperação do fabrico dos bonecos protagonizado pelo escultor José Maria de Sá Lemos, que convidou Mariano da Conceição - neto de Caetano Augusto da Conceição, o fundador da Olaria Alfacinha - para professor da Escola de Artes e Ofícios de Estremoz.
A exposição do Mundo Português, celebrada em 1940, veio dar visibilidade ao trabalho de Mariano da Conceição e alimentar uma longa tradição familiar, que se estende até os dias de hoje. No labor de continuidade da sua irmã Sabina Santos, é importante a formação de várias aprendizes, entre as quais Fátima Estróia e as Irmãs Flores.
Tão importante quanto a manutenção das técnicas e tipos tradicionais, é a actividade de artesãos contemporâneos que têm utilizado a capacidade de síntese dos grupos escultóricos de barro para a crítica da sociedade moderna. Fonte: "ROTEIRO DOS ARTESÃOS DO DISTRITO DE ÉVORA - BONECOS DE ESTREMOZ. TRADICIONAIS E CONTEMPORÂNEOS"

Manuel Martins na última sessão de Artesanato ao Vivo de 2009

sábado, 26 de dezembro de 2009

Presépio de Manuel Martins

Manuel Martins, autor de um dos presépios em exposição, vai estar presente na sessão de artesanato ao vivo desta tarde, aprendeu a esculpir este futo cerca de 28 anos, quando viu as cabaças expostas no Museu do Artesanato. No início comprava cabaças mas como era difícil de adquirir comecei a plantar sementeiras . Tenho tido muito sucesso, a nível de exposição e de feiras de artesanato, quer no país, quer no estrangeiro. Isto como se diz “quem corre por gosto não cansa”. Em termos monetários não compensa, se fosse rentável já alguém tinha começado a fazer...

sexta-feira, 25 de dezembro de 2009

FELIZ NATAL DE 2009

A Turismo do Alentejo deseja a todos os visitantes do Centro de Artes Tradicionais votos de um Santo e Feliz Natal!
Este espaço museológico está hoje encerrado ao público, mas amanhã voltaremos a abrir as nossas portas de forma a que todos possam usufruir da exposição "Presépios do Alentejo".

quinta-feira, 24 de dezembro de 2009

ARTESANATO AO VIVO NO SÁBADO À TARDE

No dia 26 de Dezembro, Manuel Martins vai estar presente na Sessão de Artesanato ao Vivo aos Sábados à Tarde, onde vai executar os seus Presépios em Cabaças.
Manuel Martins especializou-se nos seus tempos livres na preparação e decoração de cabaças, com motivos estilizados ou referências concretas ao viver do Alentejo. Recentemente, este artesão de Évora passou a criar presépios com este fruto.

quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

CELEBRE O NATAL NO CENTRO DE ARTES TRADICIONAIS

Venham celebrar esta quadra natalícia visitando a exposição temporária do Centro de ArtesTradicionais "Presépios do Alentejo"!
Organizada pela Turismo do Alentejo E.R.T., pode apreciar nesta exposição presépios de cerca de 40 artesãos, na sua grande maioria da colecção do General Fernando Canha da Silva.
Votos de um Feliz Natal e de um Próspero Ano Novo de toda a nossa equipa!

sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

Trabalhos em cortiça de Adélio Real

Há cerca de 20 anos que este artesão de Portalegre trabalha a cortiça. Em criança, enquanto via o seu avô fazer "brincava" com a cortiça e em adulto, ao conviver com pastores e ganadeiros, durante a sua profissão, começou a criar tarros, corchos, saleiros, presépios e esculturas como o Santo António.
Venha ver como se faz este tipo de peças e conviver com o artesão amanhã à tarde numa das nossas Sesssõs de Artesanato ao vivo, a partir das 15 horas.

quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

EXPOSIÇÃO TEMPORÁRIA - PRESÉPIOS DO ALENTEJO

A nova exposição temporária do Centro de Artes Tradicionais possui presépios de cerca de 40 artesãos do Alentejo, na sua maioria cedidos pelo coleccionador General Fernando Canha da Silva. Executados com materiais típicos da região - cortiça, madeira e cerâmica, cada retrato do nascimento do Menino Jesus em exposição mostra uma adaptação ao gosto e tradição local, assim como um cunho pessoal dos artesãos alentejanos.
A exposição vai estar patente ao público até 30 de Janeiro de 2010. Durante este período, as "Sessões de Artesanato ao Vivo aos Sábados à Tarde" vão contar com a presença de alguns autores dos presépios.

terça-feira, 15 de dezembro de 2009

A tinturaria natural

Quem participou no workshop sobre tinturaria natural, não fez apenas o banho dos corantes mas também ficou a saber muito mais sobre os corantes, como por exemplo que a produção de têxteis com cor foi iniciada pelo Homem pé-histórico. Os corantes naturais eram extraídos por processos físico-químicos.

video

Os corantes usados no workshop do Centro de Artes Tradicionais foram o sulfato de cobre e o alumen, que se transformam em 4 cores diferentes, devido ao banho com 2 diluentes: casca de cebola e perpétua.
Esta actividade esteve inserida num Projecto da Universidade de Évora, do estudo de corantes antigos (anterior a 1850).

segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

Alexandra Graça na Sessão de Artesanato ao Vivo desta tarde

video

Processo de tinturaria natural

O Centro de Artes Tradicionais recebe hoje alunos eborenses para o terceiro e último workshop de tinturaria natural, actividade que obedece às seguintes etapas:

video

1.º - "Morder" a lã, ou seja colocar a lã num mordente; 2.º - Dar um banho ao corante, solúvel em água; 3.º - Tingir a lã "mordida";

TROVAS NATALÍCIAS

No âmbito da exposição temporária "Presépios do Alentejo", entre os dias 15 e 18 de Dezembro, a Turismo do Alentejo organiza no Centro de Artes Tradicionais a actividade pedagógica "Trovas Natalícias", com leituras de trovas populares dedicadas ao Nascimento de Jesus.
Para participar nesta actividade vocacionada para as escolas, para crianças a partir dos 5 anos, solicita-se marcação prévia até à véspera da visita.

domingo, 13 de dezembro de 2009

Trabalhos de Alexandra Graça

Venha com os seus alunos aprender a colorir a lã natural

Durante os vários Workshops de Tinturaria Natural, organizados com o apoio do Centro Hércules da Universidade de Évora, os alunos aprendem a morder a lã, ou seja, a juntar o sal do metal à lã, para posteriormente preparar um banho corante à parte com água quente, de forma a dissolver o sal e a tornar a cor mais viva.

A lã virgem, como a da foto, "transforma-se" de acordo com os corantes utilizados: a flor do campo - a perpétua, o alúmen, a casca de cebola e o sulfato de cobre.

sábado, 12 de dezembro de 2009

Sessão de Artesanato ao Vivo de hoje

Alexandra Graça fez na Sessão de Artesanato ao Vivo no Centro de Artes Tradicionais um presépio muito colorido numa moldura, como podem ver pelas imagens que aqui publicamos.

Peddy Paper Infantil

O Centro de Artes Tradicionais recebeu hoje um peddy paper infantil do Infantário de Nossa Senhora da Piedade, onde pais e crianças participaram num jogo a celebrar o Natal, após visitar a nova exposição temporária "Presépios do Alentejo".

O artesanato segundo Alexandra Graça

Sou uma auto didacta no mundo das artes, estudo as técnicas, leio e pesquiso … depois é dar largas à imaginação!
Cada um dos meus trabalhos é elaborado com todo o amor e dedicação...não sei trabalhar de outra forma.
A arte tem um papel fundamental na minha vida, é uma fonte de energia inesgotável.
Para quem desejar saber um pouco mais sobre os trabalhos de Alexndra Graça pode consultar o seu blogue: http://cabecinhasvoadoras.com.sapo.pt/

sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

Alexandra Graça - Presépios / Artesanato Contemporâneo

Na próxima "Sessão de Artesanato ao vivo no Sábado à tarde" vai estar presente Alexandra Graça, educadora de infância de profissão. Esta artesã de Beja dedica-se a criar presépios nos seus tempos livres, desde 1997. Inspirando-se no imaginário infantil, cria as suas peças de uma forma muito própria, dando-lhes vida ao escrever histórias sobre a peça, com o objectivo de também dar outras visões do Natal.

PRESÉPIOS DO ALENTEJO

O Centro de Artes Tradicionais de Évora tem a partir de hoje uma nova exposição temporária para oferecer aos seus visitantes - Presépios do Alentejo e que vai estar patente ao público até 30 de Janeiro de 2010!

Inauguração da exposição temporária "Presépios do Alentejo"

PRESÉPIO DE MANUEL CARVALHO

Manuel Carvalho, artesão da Vidigueira também tem uma peça de sua autoria na exposição temporára "Presépios do Alentejo" do Centro de Artes Tradicionais, patente ao público até ao final do mês.

terça-feira, 8 de dezembro de 2009

Processo final da tinturaria natural

video

Último dia da exposição temporária "Artesanato de Nisa - Ponto por Ponto, Pedra por Pedra"

Celebre o feriado de N. Sra. da Conceição a passear pela cidade de Évora e venha usufruir das ofertas culturais que temos para oferecer no Centro de Artes Tradicionais, onde hoje tem a última oportunidade para conhecer a beleza da olaria pedrada e dos bordados de Nisa.

segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

TERCEIRO WORKSHOP DE TINTURARIA NATURAL

No dia 14 de Dezembro à tarde é a última oportunidade dos alunos participarem nos Worskhops de Tinturaria Natural do Centro de Artes Tradicionais, de aprenderem a preparar vários banhos com corantes de forma a produzir diferentes cores nas fibras.
Inscreva os seus alunos para esta actividade organizada pelo Centro Hercules, da Universidade de Évora.

sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

Trabalhos em Estanho na próxima Sessão de Artesanato ao Vivo

Maria Clotilde Marques é uma eborense que se dedica ao artesanato há cerca de 6 anos, desde que tirou um curso em estanho. Aplicando o estanho em peças de madeira e cerâmica, a artesã cria guarda-jóias, caixas, quadros, presépios, etc.

quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

Programação das sessões de "Artesanato ao Vivo aos Sábados à Tarde" de Dezembro

5 de Dezembro
Maria Clotilde Marques - Trabalhos em Estanho 12 de Dezembro
Alexandra Graça - Presépios / Artesanato Contemporâneo
19 de Dezembro
Adélio Real - Trabalhos em cortiça
26 de Dezembro
Manuel Martins - Presépios / Cabaças

terça-feira, 1 de dezembro de 2009